Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2012

Um conto em atos [2/6] - Lótus

Lótus, como o nome, forte, pura, única. Parecia sair luz de deus olhos e sorriso. Sempre ajudando seus dois irmãos mais novos. Lótus já tinha 15 anos - idade de casamento de seus pais. Tinha lindos olhos, amendoados, sinceros e apaixonantes. Mergulhada nas artes. Canto, dança, esoterismo, as mais diversas religiões. Escrevia, desenhava. Só não sabia o que fazer quando crescesse. Não queria viver daquilo.

Estudiosa, nunca foi problema para os seus pais. E eles sabiam disso.

Um conto em atos [1/6] - Ela

Depois de anos de casados

Lucia se olha no espelho. Vê uma dona de casa comum - o que é bem raro hoje em dia. Decidiu com o marido que não iria trabalhar para cuidar dos filhos. Lótus, Lírio e Cauê - a única criança que o pai conseguiu salvar das escolhas de nome excêntricas da mãe.

Lucia se analisa. Olha de um lado a outro, dos pés à cabeça. Talvez devesse ir à manicure, seus pés adorariam esse mimo. Ajeita os seios e pensa: não são como antigamente, mas anda estão em ordem! Vira-se de costas e gosta do que vê: nada gigantesco, assim da menos trabalho.

Nunca foi de maquiagem, nem mesmo muitos acessórios, mas muito elegante, mesmo em casa. Sua peça favorita? Um vestidinho solto, estampado com flores. Sempre as amou.

()

Se eu pudesse (d)escrever
Tudo e o todo
Que está para explodir

Sairiam apenas sons.
Gemidos, urros e palavrões.

Choros, dores e alucinações
Risos descontrolados
Momentos de (in)quietação.

Socos no vento
batidas de pé no chão.

Um balé rudimentar.

Ann Arbor IV

Brother. That's how I'd describe you. You were always smiling, always so helpful and clumsy.

You never understood why did the girls talk to you that way! What was the big deal with your Italian accent, right? You just wanted to blend in.

Nobody ever understood why the USA and not England. That'd be more logical. But no, you wanted USA and there you were.

You arrived not knowing a word, how proud I am.

You invited me to go shopping with you. Twice! I'll never forget those two days. One you asked my help to buy a cap. Since you were the only white guy in the gym, you wanted to fit a little bit more. And I laugh so hard!

You were my little brother, and will always be my lil brother.
Take care.

Ann Arbor III

You were as picky as my real mother never was. Always calling me, wanted to know where I was.
Many times I got really pissed at you. But I knew you only cared about me.

We traveled together, slept at the same room. It was fun, except when you wanted everything your way.
I even said bad words on my own language!

You gave me gifts, you lent me some clothes. We shared food and a laugh.
You were a great sister. You held my head while I was crying.

Thank you for being around.

Ann Arbor 0

Era você quem estava comigo. Sete meses comigo. Algumas semanas antes, decidiu não estar mais.
Até hoje não sei muito bem explicar porque você se foi, mas não me importou e ainda não importa.

Mas ainda assim, nos vimos depois. Continuei te consolando, te ajudando, estando lá.
Mas as pessoas não entenderam. Julgaram e te expulsaram. Fazendo a nós dois tristes.

Hoje você está n'outra vida. E já não mais nos falamos. Espero que esteja feliz!

Ann Arbor II

And he was one of my best friends. I guess we met on my first day there. He was older, but didn't look like!

He had a nice accent, I found it funny and cute, at the same time. We talked a lot! I made him some chocolate truffles. He loved that.

When we all traveled together, he was the only one who really got my mood. Actually, he always got me. Except by this one part. That I really didn't care about that - and he knows what I'm talking about.

He called me Mayera.. and I really liked it.

I spent my last day with him. Was super nice. We had so much fun.. I really didn't want to leave. Specially after his final message.

Well, now I am the one who's late.
Hope to see you next summer.

Ann Arbor I

I miss the days I could go for a walk, feeling the cold breeze on my blushed face. I would sit on the grass and draw for the whole afternoon. Sometimes interrupted by a friend, or even a funny squirrel around me.

Than I would go home, have a quick snack and wait for your call. You'd knock at my door, smiling, the tallest man I've ever met. We cook dinner. We laugh, we draw, we sleep.

Next morning I cooked you breakfast. You looked surprised and happy. We kiss goodbye.

You left. I close the door and cry. Look at the hallway and there you were, waiting for the elevator. Why? You never got the elevator before. Did you want me to stop you from leaving? Well that's what I did. I miss you. I miss our five week love.

---
Sinto falta dos dias que saía para andar, sentindo a brisa fria no meu rosto rosado. Sentava na grama e desenhava a tarde inteira. Às vezes interrompida por um amigo, ou até mesmo um esquilo engraçadinho por perto.

Então ia pra casa, faria um lanchinho e esperava por…

Carta (de desabafo) a um amigo

Estou muito muito muito triste com algumas coisas que tenho notado.
Umas se referem diretamente a você, outras nem tanto.
Faz um bom tempo que não vejo em seus olhos o verdadeiro você. Vejo cada dia mais a máscara que esconde preocupação com um toque de tristeza. Não preciso saber do que está acontecendo, mas quero que você saiba que tudo o que eu puder fazer para te ajudar, estou a disposição.


E existem coisas não relacionadas diretamente a você, que certas vezes me incomodam bastante. Ontem fui embora sem dar tchau pois não aguentava conter as lágrimas de tristeza.
Existem pessoas que tem ciúme de você, e inveja de qualquer outra pessoa que esteja mais próxima de você do que elas. E clamam por atenção. Maldizem pessoas que sequer conhecem. Maltratam discretamente.
Ontem me senti dentro de uma competição por sua atenção. Uma competição que nunca quis, nunca pedi para estar. Então saí, me retirei de uma luta que não é minha, pois isso não sou eu.
E fiquei triste. Triste e desesperançosa com…

Aos pessimistas

Parem de não ver.
O dia poderia ser bem melhor
se olhassem seu redor.

Veria formigas caindo da mesa,
e se prestasse bem atenção
ouviria dos pássaros uma canção.
Não tem pássaros? Tem imaginação.

Respira, não pira.
Não viva na desgraça,
assim até o amor gasta.

doença

Doente de uma doença sem cura.
Uma doença sem fim.
Aguda.

Doente de lucidez. Doente da razão.
Ataca os rins sentimentais,
faz doer o coração.

Doença rara, porém transmissível.
Te faz passar o intransponível.

Os sintomas são aparentes
Olhos brilhantes, reluzentes.

Mas também existem invisíveis
decepção, crises.

Crises essenciais,
existenciais.
Dúvidas, medos
Certezas e desafios.

E assim sigo doente,
até o fim dos tempos

Não posso

Não posso
e não vou.

Estou e vou.
Aqui e lá.

Seguro sua cabeça
e te abraço
pra não te deixar cair.

Te carrego nas costas
até você acordar.

Acordar e ver diferente
tudo aquilo que hoje
te faz doente.

Não vou fraquejar
Vou te segurar
Vou te carregar
até poder andar.

E não ficarei pra trás
quando você se curar.
Estarei ali, sempre,
olhando você continuar.

A menina sorridente
segura a mão
do menino sonhador.

Fora do Polar

Eu não deveria nem estar escrevendo isso aqui, mas senti necessidade de extravasar a minha opinião. Nenhum lugar melhor do que a "minha casa", que só lê quem quer.

Estou indignada com a resposta de algumas pessoas nas minhas redes sociais quanto à derrota do José Serra. Todos estão falando do quanto o povo é burro, que mesmo com o escândalo do mensalão votaram no PT.
Não creio que o povo tenha votado no PT, acho que eles votaram no Hadad.

As pessoas falam e pensam como se a corrupção fosse num partido só. Exclusiva ao PT. Esquecem que a mídia expõe só o que lhe interessa. E esquecem também que apesar de fazerem parte de partidos as pessoas são INDIVÍDUOS.
Posso muito bem votar no Hadad sem gostar do PT, assim como fiz com Geraldo Alkmin sem gostar do PSDB. Pois acredito na PESSOA, nos IDEAIS e PROPOSTAS.
E nessa eleição, como meu amigo disse: não foi o Hadad que ganhou. Foi o Serra que perdeu.
Ficam reclamando do mensalão, mas esquecem de vereadores e senadores roubando milhões…

Emprestado

Hoje trago um poema que um amigo escreveu. Achei tão lindo que resolvi compartilhar. Thanks, Jonathan! :D

"Tu traz uma suave e doce brisa a meus sonhos
Dança com as flores e encanta minha mente
Sorrindo com pureza e fluindo com os rios
Brilhando com os girassois e se mostrando mais forte

Ó musa dos ventos que voa com os dentes-de-leão
Entrega-te a teus ventos e alimenta teus seguidores
Mostra a energia de teu espírito e o calor de teu coração
Mas quando precisar de repouso, aqui estará aquele que te oferece o maior dos amores

Minha linda e preciosa musa dos ventos dançantes
Tu encanta, canta, brilha, dança, sonha, ama
Tens a capacidade de alcançar o mundo com tuas penas brilhantes
Mas antes de tudo, soprou e mudou minha alma"

Inquisição

Me acharam, descobriram!
Meu segredo não tão secreto.

Estão vindo, estão quase aqui.
Pego o que posso, o que consigo
tenho que fugir!

Mataram meu gato,
destruíram meu ateliê.
Minhas flores todas mortas
O que devo fazer?!

Já prepararam a minha fogueira
eles vão me pegar.
Não posso desistir,
não posso parar!

Corra!

Máquina

Já não funciona mais
Liga, desliga, reinicia
E nada. Morte morrida.

Ou será que foi matada?
Inserção de mil informações
Rara verificação dos dados.
Anti-vírus? Nem em sonho!
- as verificações tomariam muito tempo.

Tempo esse que agora me sobra.
Liga, desliga, reinicia, dá tapas.
Espera alguns segundos desligado,
volta a reiniciar.

Ligou! Ah finalmente uma luz.
Ainda travando um tanto,
preciso formatar.
Acabar com todos esses restos.
Desfragmentar, limpar registros.

E o computador humano
volta a funcionar.

Companheiro

Não quero alguém
que ao meu lado
precise estar.

Quero alguém que
quando ele quiser
vai estar.

Não quero alguém
que fique o tempo inteiro.
Quero que tenha o dele,
que tenha o meu,
que exista o nosso.

Que vá,
que volte,
que fique
e vá de novo.

Por favor, não precise, queira estar com alguém.






maybe i've found u.

Cr-i(n)atividade

Ando sem inspiração.
Já não vejo nada de belo
nem horrendo, revoltante
que seja motivo o bastante
para minha mente aguçar.

Estou ficando enjoada
Aquele enjoo de quando respiramos o mesmo ar
durante horas e horas e horas,
E todo o oxigênio virou carbono.

Vou sufocar!

Preciso de novas experiências
novas ciências, tendências.

Novos ares, lares, pares.

Que me façam voltar a escrever.

Inativa. Criativa.

Inspiração

Você me inspira
Me inspira a falar do amor,
me faz escrever sobre a dor.

Faz lembrar da saudade
E me remete à solidão.

Me excita na lembrança
E incita a traição.

Seu não falar me lembra do olhar
como se me dissesse tudo,
como se estivesse a declamar.

Me inspira, me aspira.

Já não sei mais

E não sei mais como você vai
como ia, como queria estar.

Já não sei as novidades
nem se elas sequer existem.

Não sei mais como está seu coração
seu calor, sua alma ou sua dor.

Quero te reencontrar, te oferecer meu ombro,
te dar um beijo na bochecha e ter certeza
de que tudo está bem. E se não estiver,
te encher de esperança de que logo logo
tudo vai estar.

amos.

E hoje falta assunto
com quem mais queria falar.
Horas de papo, conversas,
sem nem um instante exitar.
Sem temor, sem receio
falamos de tudo com anseio.

Queremos ver o sol nascer!
Mas ele nasce, lindo e brilhante
sem nenhum de nós perceber,
pois as nossas conversas e versos
nos levavam a muitos universos.

Hoje mas nos falamos,
não mais nos vemos
não mais amamos
calamos.



União de muitas histórias. Rimas obvias, eu sei.

Dente de leão

Gosto de dentes de leão. São minhas flores favoritas!
Além da sua forma se parecer com a minha
(magrela do cabelo blackpower),
gosto do significados dela.

Frágil, leve e efêmera.
Suas pétalas (se é que são assim chamadas)
voam com o vento, dançando pelo ar
fazendo de seus momentos finais uma festa!
Sua simplicidade, flexibilidade e seu desapego!
Características tão admiráveis.


Se as pessoas notassem mais as outras flores
deixariam de venerar tanto as rosas.

Conversas de uma rede social

Ele: may... oq fazer pra esquecer uma garota q vc n devia ne pensar?
Eu: Deixar que a vida te leve e não se forçar a esquecer pois quanto mais tentamos esquecer mais lembramos então deixe que o coração e a memória sofram o que tenham que sofrer que quanto o coração não quiser mais chorar ele vai esquecer.
Fico triste que ninguém entenda meu choro
Que recriminem meu choro.
Todos podem falar o que quiser
mas nas ações demonstram que o choro é algo ruim.

Chorar é minha maneira de expressar as coisas que to sentindo por dentro.
Eu não sei explicar o que é meu choro.
Mas parem de recriminá-lo. Só me faz sentir pior.

Aleatoriedades de um Facebook fútil e inútil.

Em um perfil sobre signos, achei várias imagens e textos válidos para qualquer pessoa, mas me identifiquei bastante.

Se pra me tornar algo melhor tenho que lutar, sofrer e cair então será.



Como eu queria poder falar tudo que estou sentindo.





Na sua frente

E sabem o que ponho aí
Bem diante dos seus olhos?

A minha alma.
Desde a ponta dos meus pés
até o meu olhar.

Todo movimento é expressando sentimento
É falar sem sons, é chorar sem lágrimas
Rir sem riso, e dar broncas sem falar.

E só para descontrair...

...essa música com letra completamente boba, simples e linda.


Totalmente aleatório

Quero cuidar de você todos os dias.
Nos dias de desesperança,
nos dias de pura calmaria.

Quero estar ao seu lado quando não for necessário
Quero estar ao seu lado simplesmente por querer.

Quero te dar todo o carinho que guardo no meu coração
pois sei que você não merece nada menos que isso.

Não espero que me dê carinho igual de volta,
só quero que não o desperdice.

Gosto

Gosto dos que me fazem surpresas.
Nada de mirabolante ou caro,
Só criativo, simples, carinhoso e verdadeiro.

Gosto dos que me ligam no meio da noite,
Que aparecem sem avisar
Pois só suas presenças já me fazem sorrir.

Gosto quando fazem desenhos,
Escrevem frases bobas
Ou me dão apenas um bombom.

Gosto dos que me beijam de surpresa
Seja na boca ou na bochecha
E dos que me abraçam de repente.

Enfim, gosto de quem é gente.

Algo que li - Reflexão

"Somos donos de nossos atos, mas não de nossos sentimentos;
Somos culpados pelo que fazemos, mas não somos culpados pelo que sentimos;
Podemos prometer atos, mas não podemos prometer sentimentos...
Atos são pássaros engaiolados, sentimentos são pássaros em vôo!" Mário Quintana
Li isso hoje pelo meu Facebook. Não podemos ser culpados pelo que sentimos... Não concordo sempre com isso não.
Podemos SIM sermos culpados pelo que sentimos. Nossa mente pode criar tendencias e assim, nos fazer sentir algo que não está de fato lá. Se pensarmos em coisas tristes e negativas o dia inteiro, só por experiência, tentem ver no que dá. E o mesmo também vale para sentimentos alegres e bons! Nossa mente é capaz de atrair sentimentos, sejam eles quais forem.

E assim como os pássaros em voo, somos influenciados pelo vento. Parte de nós lutar contra ele ou seguir com a corrente (de ar).

Arte

Se artistas não fossem importantes
as pessoas não nasceriam com dons.

Dom de desenhar, pintar, dançar;
escrever ou até atuar.
Para exprimir e imprimir
de diversas formas o que o ser,
trágico ser, insiste em esconder.

Posso?

Posso gostar muito de você
a ponto de me sujeitar a coisas
que sempre achei que nunca ia fazer?

Posso te ligar na madrugada
e inventar qualquer desculpa
pra você vir me buscar na calada?

Posso te abraçar amorosamente
de um jeito tão carinhoso
que te faça meu eternamente?

E sigo

Sem esperança na vida.
Olho para os seres humanos
Suas atitudes, seus jeitos
E em nada me satisfaz.
Não vejo melhorar
Nada nada nada
Nem em mim, nem nos outros..

Me entristeço ao olhar tudo.
E ver que no plano maior
Tudo está um caos
E se movendo ao caos.

#desabafo confuso

Extraterrestre

Muitas vezes eu queria De verdade verdadeira, ser de outro planeta.
Assim me confortaria a ideia De ter algum lugar pra voltar.
Mesmo que chegar lá fosse impossível Mesmo que levasse muito tempo Mesmo que tomasse todo o meu esforço.
Eu teria algum lugar pra voltar.

Sonho

Sonho com um mundo feito de bondade.
Onde os seres fazem tudo a vontade.
Que não sintam prazer em machucar
Que não tenham armas para magoar.

Queria viver num mundo
Onde as pessoas ensinavam tudo
Pelo simples prazer miúdo.

Nesse mundo que viveria
Todos seriam seres veria
E as pessoas transpareceriam
Nos seus olhos, a alegria.

És oscilação

Me encontro numa oscilação tremenda.
Dividida entre o que acho que devo fazer
E o que alguém maior acha melhor.

Porém esse alguém maior não pode
Não deve, não quero que me afete!
Bato o pé forte no chão, clamando mudança!

Mas o temo, o admiro em certas partes
E acabo por não decidir.

E nisso, continuo oscilando.

Vontade de agora

Mar-rio

Deixemos de ser rios
Conformados com o nosso rumo
Independentemente do sol, da lua ou do vento.

Tornemo-nos mar.
Bravio e agitado
Movendo as areias de forma irregular
Movendo-nos com o vento.

Será mesmo?

Falta tua

Estou sentindo sua falta.
Teu cheiro sempre bom
teus risos altos e nada discretos,
da tua boca e dos teus olhos.

Não importa há quanto tempo
não nos encontramos,
seja um dia, uma hora
ou mesmo um segundo,
vou sentir sua falta.

E ao pensar em você,
meu coração irá se aquecer
e vou sentir amor.

Fora de contexto

Olá leitores!
Hoje não vim postar poesia mas sim votos.
Votos de muita prosperidade, boa sorte e alegrias nesse ano que já começou!
Que tenhamos todos momentos felizes e que saibamos aproveita-los com sabedoria e tê-los com gratidão.
Que tenhamos saúde para poder desfrutar da vida, pois ela é ótima.

Muito amor, sorte, beleza, alegrias e energia!

Que venha mais um!