Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Julho, 2011

É ridículo

E qual o problema da mulher ser (e se mostrar) sensual e até mesmo vulgar?
Isso ofende sua baixa e frágil auto-estima?

Me perdoe, mas julgar as mulheres pelo modo que (não) se vestem
É a mesma coisa que julgar um negro, um gay ou qualquer outro grupo discriminado.

É ridículo.

Indignação

Críticas são coisas violentas
Que doem e machucam o ser.

Não pelo que foi dito
Mas pelo trabalho e energia dedicados
E o retorno não foi o esperado - pelos outros.

Ah como reclamar e exigir é fácil
Difícil é manter um ser como eu
Manter essa fera, essa metralhadora de sentimentos
Calada e desarmada.


E ainda me mantenho calada pois sei Sei o quanto uma crítica (envenenada) rasga.

Então a saída é,
num silêncio solitário
chorar.
E desalmar

Para parar de absorver sentimentos ruins
Deixarei de absorver qualquer um.

Não estou apaixonada

Descoberta recente:
A paixão acabou.

Me perdôe por dizer isto mas não consigo mais te enganar
Mas não tenho mais a mesma coisa que tinha no começo
Que em algum ponto da nossa estrada se perdeu.

O torpor, o fogo e o desespero
Tudo isso ficou pra trás

E agora, tudo o que nos resta
são as alegrias desse amor tenaz.

Curiosidade

Sou uma pessoa num todo curiosa,
Mas a maioria das vontades de saber
Vêm a cabeça e num instante somem e esqueço.

Porém existem curiosidades eternas.
Umas mais profundas que as outras
Outras do tipo de criança

E assim vou sanando-as
Ou não!

O que importa é que
com ou sem elas
me mantenho assim

questionadora
pesquisadora.

A minha maior curiosidade no momento é saber que tipo de leitores tenho.